Topo
Saída de Rede

Saída de Rede

León decide e Perugia conquista o bicampeonato na Copa Itália

Janaína Faustino

2010-02-20T19:21:14

10/02/2019 21h14

Com uma grande performance, o ponteiro Wilfredo León liderou o Perugia na conquista do bi na Copa Itália (Fotos: Divulgação/Perugia)

Em um confronto extremamente equilibrado e decidido nos detalhes na Unipol Arena, em Bolonha, o atual campeão italiano Perugia bateu o Lube Civitanova de virada por 3 sets a 2, com parciais de 21-25, 21-25, 26-24, 25-23 e 15-13, conquistando o bicampeonato da Copa Itália neste domingo (10). Vale lembrar que a equipe levantou o caneco de forma consecutiva, já que triunfou sobre o mesmo Lube na temporada passada.

Para chegar à final do torneio, o Perugia, atual líder do Campeonato Italiano, venceu o Modena – que ocupa a quarta posição – com relativa tranquilidade em sets diretos. Já o Civitanova sofreu para derrotar o pentacampeão mundial Trentino também no tie-break.

Ganhador da Copa Itália em cinco oportunidades, o time de Bruno, Leal, Juantorena e Simon chegou a abrir 2 a 0 nesta final, mas permitiu a virada de uma equipe que, com a chegada de Wilfredo León, alcançou outro patamar e segue ainda mais forte nesta temporada. A propósito, é importante salientar o quanto o ponteiro se adaptou rapidamente ao voleibol italiano e não parece ter sentido a pressão por estar em uma liga diferente da russa.

O oposto sérvio Atanasijevic também teve participação importante no triunfo da equipe

Não por acaso, o astro polonês teve uma atuação determinante no duelo: ele colocou 26 bolas no chão (22 no ataque, com 52% de aproveitamento, uma de bloqueio e três aces). Aliás, os 12 pontos de saque demonstram o quanto o fundamento foi uma arma fundamental na construção da vitória do time de Lorenzo Bernardi. Além de León, o oposto sérvio Aleksandar Atanasijevic também se destacou com 18 acertos.

Leia mais:

Na busca do sonho olímpico, Simon diz ainda esperar resposta da Bulgária

Wilfredo León fará sua estreia na seleção polonesa em agosto

Liberado a partir de abril, Leal poderá ser convocado para jogar na seleção brasileira

Pelo lado do Civitanova, o levantador Bruno contou com a participação de um Leal pouco efetivo, anotando somente 13 pontos em todo o confronto (com apenas 36% de eficiência nas ações ofensivas). Por outro lado, o oposto Tsvetan Sokolov deu conta do recado, com 25. Além dele, o ponteiro Juantorena também esteve bem ao marcar 18. Já o meio de rede Simon fez 5 de bloqueio, mas pôs apenas duas bolas no chão das seis que recebeu no ataque.

Com o revés sob o comando de Ferdinando De Giorgi, contratado para substituir Giampaolo Medei – que não conseguiu fazer o time deslanchar –, a equipe segue sem títulos, se mantendo entre altos e baixos desde o final do ano passado, quando sofreu derrotas duras, como os 3 a 0, diante do mesmo Perugia no início do Italiano e, ainda, o 3 a 1 na decisão do Mundial de Clubes para o rival de Trento. O Perugia, em oposição, vem se consolidando como um dos times mais poderosos da atualidade e se credencia a ganhar todos os troféus que vier a disputar.

Curta o Saída de Rede no Facebook!

Siga-nos no Twitter: @saidaderede

Sobre a autora

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos.

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.