Saída de Rede

Sul-Americano: sem esforço, Brasil atropela o Chile

Sidrônio Henrique

17/08/2017 20h08

Amanda no ataque: vitória tranquila contra um adversário frágil (fotos: Nelson Rios/CSV)

Superar argentinas e venezuelanas foi muito fácil. Imagine então enfrentar o Chile, a equipe mais fraca do 32º Campeonato Sul-Americano de Vôlei Feminino, disputado em Cali, na Colômbia. A seleção brasileira precisou de menos de uma hora, nesta quinta-feira (17), para vencer as chilenas por 3-0 (25-5, 25-10, 25-7), pela terceira rodada do torneio, que dará ao campeão uma vaga no Mundial 2018, no Japão. O Brasil busca seu 20º título – conquistou as últimas 11 edições e não perde um set na competição desde 1999.

Siga @saidaderede no Twitter
Curta o Saída de Rede no Facebook

As brasileiras enfrentam as peruanas nesta sexta-feira (18) e encerram sua participação contra as colombianas no sábado (19) – veja tabela abaixo. O hexagonal está sendo disputado em pontos corridos. As partidas são transmitidas pelo site da Confederação Sul-Americana de Vôlei (CSV).

Diante das frágeis chilenas, a seleção brasileira teve as reservas em quadra desde o começo da partida: Macris, Monique, Drussyla, Amanda, Carol, Mara e Gabi. O técnico José Roberto Guimarães não fez substituições nesse jogo. A ponta Drussyla foi a maior pontuadora, somando 15 (nove de ataque, quatro de bloqueio e dois aces). A central Mara e a ponteira Amanda marcaram 13 e 11 pontos, respectivamente.

As duas seleções durante a execução do hino chileno

Preparação
Além de poder garantir a vaga para o Mundial 2018, o Brasil utiliza o Sul-Americano como preparação para a Copa dos Campeões, no Japão, de 5 de 10 de setembro. Antes de seguir para a Ásia, o time de Zé Roberto fará ainda dois amistosos, nos dias 27 e 29 de agosto, contra os Estados Unidos, como visitante, na cidade de Anaheim, na região metropolitana de Los Angeles.

Treinadas pelo argentino Eduardo Guillaume, ex-técnico da Colômbia e ex-assistente da Argentina, as chilenas estão na Colômbia para ganhar experiência. Sete das 14 jogadoras têm de 15 a 17 anos. Se no voleibol masculino o Chile já apresenta alguma evolução, a partir de um investimento iniciado em 2011, no feminino ainda precisa melhorar bastante, mesmo para enfrentar um rival como a Venezuela – não conseguiram passar dos 19 pontos no melhor set contra a Vinotinto, a segunda equipe mais fraca do Sul-Americano.

TABELA DO SUL-AMERICANO FEMININO (horário de Brasília)
Dia 15 (terça-feira) – Brasil 3-0 Argentina (25-21, 25-15, 25-15)
Dia 16 (quarta-feira) – Brasil 3-0 Venezuela (25-15, 25-6, 25-12)
Dia 17 (quinta-feira) – Brasil 3-0 Chile (25-5, 25-10, 25-7)
Dia 18 (sexta-feira) – Brasil vs. Peru, às 19h
Dia 19 (sábado) – Brasil vs. Colômbia, às 17h30

 

Sobre o autor

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos. João Batista Junior - Já cobriu campeonatos mundiais e a Liga Mundial. Sidrônio Henrique - Trabalhou para publicações da Europa e da América do Norte, produziu conteúdo para a Federação Internacional de Vôlei (FIVB).

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Topo