Topo
Saída de Rede

Saída de Rede

Wilfredo León deverá estrear oficialmente pela Polônia no Pré-Olímpico

Janaína Faustino

08/02/2019 06h00

Uma das maiores estrelas do vôlei mundial, León brilha no Perugia e fará sua estreia pela Polônia no Pré-Olímpico (Foto: Divulgação/Sir Safety Perugia)

Em uma das estreias mais aguardadas do mundo do vôlei, o ponteiro polonês naturalizado Wilfredo León deverá vestir oficialmente a camisa branca e vermelha da seleção tricampeã mundial no dia 9 de agosto, na cidade de Gdansk, quando a Polônia iniciará a disputa no Pré-Olímpico por uma vaga nos Jogos de Tóquio 2020. É o que informa Jacek Kasprzyk, presidente da Federação Polonesa de Vôlei (PZPS).

Em entrevista à imprensa local, o dirigente ainda confirmou que o ponteiro, ex-jogador do russo Zenit Kazan que hoje brilha no Perugia, da Itália, estará disponível já a partir do dia 24 de julho, quando começará os treinamentos com seus companheiros e o treinador belga Vital Heynen.

Entretanto, segundo a TV polonesa Polsat, há a possibilidade de León fazer sua estreia antes da data prevista, mais precisamente na 17ª edição do torneio amistoso Hubert Jerzy Wagner, que começa dia 1º de agosto. A competição, que acontece anualmente no país e já tem a participação confirmada da seleção sérvia, servirá como uma espécie de preparatório para o Pré-Olímpico.

León ganhou todos os títulos possíveis enquanto atuava pelo russo Zenit Kazan (Foto: Divulgação/FIVB)

De acordo com Jerzy Mróz, criador e organizador do evento, além da Sérvia, a equipe dos EUA também foi convidada e responderá em breve se participará da competição. Ele afirma que mais uma seleção, ainda não definida, deverá compor o grupo dos quatro integrantes do torneio.

Ainda segundo informações, na próxima sexta-feira (15), o técnico Vital Heynen se reunirá com os dirigentes da Federação local para apresentar todo o cronograma de trabalho com a Polônia, além dos nomes que serão convocados para a temporada de seleções que começará em 31 de maio, com a 2ª edição da Liga das Nações.

Leia mais:

Anúncio dos grupos confirma caminho do vôlei brasileiro rumo a Olimpíada 2020

León será capaz de manter a instável Polônia no topo do vôlei mundial?

Seleção polonesa derrota o Brasil por 3 sets a 0 e conquista o tri mundial

Vale lembrar que a seleção do Leste Europeu não deverá ter vida fácil no grupo D do Pré-Olímpico. Apesar de ter a chance de jogar em casa, contando com a torcida apaixonada de seus fãs, a equipe terá a Tunísia, a estrelada França e a emergente Eslovênia pela frente.

Pelo regulamento, os quatro integrantes jogam entre si e apenas o vencedor se classifica automaticamente para a Olimpíada. Quem não conquistar a vaga neste ano terá uma nova possibilidade nos classificatórios continentais que serão disputados em janeiro de 2020.

Por isso, a chegada de León poderá ser um reforço e tanto para a instável Polônia – que deverá contar também com o oposto Bartosz Kurek, MVP do último Campeonato Mundial, além do talentoso passador Michal Kubiak – se manter no topo, consolidando-se definitivamente entre as grandes potências do vôlei mundial.

Curta o Saída de Rede no Facebook!

Siga-nos no Twitter: @saidaderede

Sobre a autora

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos.

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.