Saída de Rede

USA Volleyball diz que transferência de Hooker não foi concluída

Carolina Canossa

19/10/2017 21h17

Hooker perdeu o passaporte e, por isso, sua volta ao Brasil acabou comprometida (Foto: Orlando Bento/MTC)

A Superliga feminina de vôlei já começou, mas uma das estrelas da competição sequer pisou em solo nacional. Contratada por mais uma temporada pelo Camponesa/Minas, a oposta americana Destinee Hooker tem enfrentado dificuldades com a documentação exigida para jogar no Brasil, gerando apreensão entre os torcedores da tradicional equipe de Belo Horizonte.

Procurada pelo Saída de Rede, a USA Volleyball (USAV), organização que administra o vôlei nos Estados Unidos, confirmou que, neste momento, a atacante ainda não pode atuar no exterior – o nome de Hooker, inclusive, não consta na lista de 299 atletas autorizados pela entidade a jogar no exterior.

Superliga feminina: vem briga boa pelo título?

“Não falamos sobre casos em particular. O máximo que podemos dizer é que a transferência dela não foi concluída”, afirmou a entidade, que se recusou a dar detalhes. “Pode acontecer de o clube não ter pago as taxas relacionadas ou o atleta não ter entregado toda a documentação exigida. Muitas vezes, os times acabam apresentando o jogador antes que a documentação esteja ok. Em alguns casos, o atleta até começa a jogar antes que a papelada esteja pronta, o que pode gerar uma punição tanto para ele quanto para a equipe em que atua”.

Oposta aproveitou passagem por Washington para engrossar protestos pelo fim da violência policial contra negros no país (Reprodução/Instagram)

O Minas, porém, garante que a situação de Hooker não preocupa. Apesar de inicialmente ela ter combinado que se apresentaria em BH em setembro, o clube diz que todas as taxas exigidas estão pagas e o atraso ocorreu devido à renovação do visto de trabalho da jogadora no Brasil. “A previsão é que Hooker se apresente ao técnico Stefano Lavarini ainda neste mês de outubro”, garantiu o clube, por meio de nota oficial. Em uma recente live com fãs na internet, a oposta mencionou que havia perdido o passaporte.

Apesar de derrota na estreia, Jaqueline afirma: “Hinode pode surpreender”

Depoimento: “O dia em que pude participar de um treino da seleção”

Hooker ainda publicou uma foto no Instagram nesta quinta-feira (19), em frente à Casa Branca, em Washington, cidade onde afirmou estar para cuidar do seu visto para jogar no Brasil. Ela aproveitou a passagem pela capital americana para engrossar os protestos de atletas que alertam sobre a violência policial praticada contra a população negra dos Estados Unidos. “Machuca meu coração saber que ainda existe tanto racismo acontecendo. Tanto sangue derramado, vidas sendo perdidas, raiva e ódio. Esta nação está desmoronando. Tenho orgulho de ser uma MULHER NEGRA! Suportei muitas coisas, mas me sinto agradecida por ainda estar de pé e sorrindo. Não vou permitir que todo esse ódio e essa dor me atinja da maneira errada. Vou continuar distribuindo amor e mostrando com o que Deus tem me abençoado”, escreveu.

Curta o Saída de Rede no Facebook!

Siga-nos no Twitter: @saidaderede

A jogadora foi procurada pelo SdR, mas até o momento da publicação desta matéria não havia respondido.

Na primeira rodada da Superliga, o Minas foi surpreendido em casa pelo São Cristóvão Saúde/São Caetano por 3 sets a 0. No sábado (21), o time tentará se recuperar diante do Pinheiros, novamente como anfitrião.

Colaborou Sidrônio Henrique

Sobre o autor

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos. João Batista Junior - Já cobriu campeonatos mundiais e a Liga Mundial. Sidrônio Henrique - Trabalhou para publicações da Europa e da América do Norte, produziu conteúdo para a Federação Internacional de Vôlei (FIVB).

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Topo