Topo
Saída de Rede

Saída de Rede

Lesionado, Bruno pode voltar a defender o Civitanova na final da Supercopa

Janaína Faustino

28/10/2019 06h00

Levantador brasileiro se lesionou durante o treinamento para o jogo contra o Milão no Campeonato Italiano (Foto: Reprodução/Internet)

A temporada de clubes acabou de começar na Itália e o atual campeão Lube Civitanova, de Bruno e Leal, já tem uma preocupação: neste fim de semana, o levantador da seleção brasileira masculina de vôlei, que está em sua segunda passagem pelo clube, sofreu uma leve torção no tornozelo direito durante os treinamentos e ainda passará por uma avaliação para saber quando poderá retornar definitivamente, atuando em uma partida inteira.

Isto porque, mesmo lesionado, ele chegou a entrar em quadra nas inversões 5-1 (com o oposto iraniano Ghafour, reforço para temporada 2019/2020) promovidas pelo técnico italiano Fefè De Giorgi no confronto deste domingo (27) contra a equipe do Milão pelo Campeonato local.

O levantador belga Stijn D'Hulst, reserva do brasileiro, acabou jogando como titular e conduziu o Civitanova à vitória em sets diretos, com parciais de 25-22, 25-15 e 25-20. Com o triunfo, o terceiro consecutivo, o time, que ainda tem no elenco estrelas como o ponteiro italiano Juantorena, e o meio de rede cubano Simon, manteve a liderança na competição com 9 pontos.

E mais:

Surpresas nas seleções, Alan e Lorenne se preparam para ano decisivo

Voleicast #10: Renan brilha e Brasil é campeão da Copa do Mundo masculina

O esperado, entretanto, era que o jovem Azaria Gonzi, de 19 anos, oriundo das categorias de base, atuasse na posição, já que D'Hulst havia sido liberado pelo clube para regressar à sua terra natal para estar ao lado da família após o falecimento de seu pai. O atleta, contudo, teve uma atitude admirável e pediu para voltar a tempo de disputar a partida válida pela terceira rodada.

"Passamos por dias complicados por razões humanas e pela lesão do Bruno. Vi muita sensibilidade por parte de D'Hulst, que decidiu vir e ajudar a equipe. Tudo isso compactou o grupo. (…) Esse gesto de Stijn certamente permanecerá dentro de todos nós", enalteceu o técnico De Giorgi.

O ponteiro Juantorena, maior pontuador do confronto com 17 acertos, também elogiou o companheiro. "Nós respondemos muito bem a todas estas dificuldades. Parabéns ao D'Hulst pelo gesto corajoso em um momento muito complicado. Ele jogou com determinação, é um grande homem e campeão. Depois dessa grande vitória, começamos a pensar na final contra o Modena", afirmou o jogador, referindo-se ao duelo pela Supercopa que acontecerá em casa, na próxima sexta-feira (1).

A expectativa é que Bruno, ouro na Copa do Mundo de vôlei com a seleção brasileira, possa estar 100% recuperado para defender o atual campeão local e europeu neste confronto.

Siga o Voleicast no Instagram: @voleicast

Curta o Saída de Rede no Facebook!

Siga-nos no Twitter: @saidaderede

Sobre a autora

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos.

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.

Blog Saída de Rede