Saída de Rede

Sesc bate Taubaté em jogo que a arbitragem estragou

João Batista Junior

21/12/2017 23h56

Vitória sobre Taubaté deixou Sesc na liderança provisória da Superliga (foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic)

Um erro bisonho da arbitragem, na reta final do segundo set, estragou o que era, até ali, a melhor partida desta edição da Superliga masculina. O 3 a 0 do Sesc sobre o EMS Taubaté Funvic, na noite desta quinta-feira, no interior paulista, não atesta o equilíbrio que o duelo apresentou, e o placar dilatado no último set não condiz com a qualidade do voleibol apresentado pelas duas equipes nas duas primeiras parciais.

A equipe carioca venceu em sets diretos, com parciais de 25-23, 25-23, 25-18. Era uma partida em que a distribuição de bolas pelo lado do Sesc dava bastante trabalho ao sistema defensivo do Taubaté, enquanto o time da casa, com um bom saque, empreendeu reação que poderia ter facilmente estendido a partida. No entanto, um erro clamoroso de um dos árbitros de linha mudou o panorama do duelo.

Siga o @saidaderede no Twitter
Curta a página do Saida de Rede no Facebook

A estratégia Thiaguinho, levantador do Sesc, foi um dos principais fatores da vitória carioca no set de abertura. Mesmo sem dois ponteiros definidores por excelência – João Rafael e Mauricio Borges –, o armador visitante começou a partida acionando bastante os atacantes da entrada de rede para só depois da metade da parcial jogar com o oposto Renan, que encarava um bloqueio muitas vezes simples ou quebrado.

Contra uma das melhores linhas de passe da Superliga, Taubaté obteve bons resultados no segundo set alternando o saque entre o viagem e o flutuante. Enquanto os pontas Dante e Ivovic tinham dificuldade para vencer o bloqueio adversário, Raphael teve em Wallace sua melhor opção para o ataque. A parcial parecia perdida para o lado carioca, mas eis que a relação bloqueio e defesa do Sesc melhorou, o time apresentou mais volume de jogo, contou com alguns erros de saque do sexteto da casa e empatou no placar. Foi quando a arbitragem fez diferença.

Com 23-23, Mauricio Borges sacou nitidamente para fora, mas o árbitro de linha apontou bola dentro. Na exacerbada (e compreensível) reclamação dos anfitriões, um cartão vermelho rendeu novo ponto para o Sesc, o que encerrou bruscamente o set.

Como era previsível, o equívoco da arbitragem e a discussão no fim da segunda etapa influenciaram diretamente o desempenho do Taubaté no terceiro set. A comissão técnica seguiu reclamando, recebeu outro cartão vermelho ainda no primeiro terço da parcial e, a partir daí, o Sesc não teve mais trabalho para fechar a partida. Uma pena, era um jogão.

Com a vitória, o Sesc assumiu provisoriamente a liderança da Superliga, com 31 pontos em 12 jogos – um ponto e uma partida a mais que o Sada Cruzeiro, que só enfrenta o Corinthians-Guarulhos, no complemento da rodada, no dia 16 de janeiro. O EMS Taubaté Funvic, com 25 pontos, caiu para o quarto lugar, sendo ultrapassado pelo Sesi, que venceu Maringá por 3-0.

A Superliga masculina só volta no próximo dia 13, na segunda rodada do returno, com um duelo entre Sesc e Sada Cruzeiro, no Rio.

Sobre o autor

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos. João Batista Junior - Já cobriu campeonatos mundiais e a Liga Mundial. Sidrônio Henrique - Trabalhou para publicações da Europa e da América do Norte, produziu conteúdo para a Federação Internacional de Vôlei (FIVB).

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Blog Saída de Rede
Topo