Topo
Saída de Rede

Saída de Rede

Começo da temporada de brasileiras no exterior já teve até título

Carolina Canossa

27/09/2016 06h00

Fabíola foi eleita a melhor levantadora da Yeltsin Cup (Foto: Divulgação)

Fabíola foi eleita a melhor levantadora da Yeltsin Cup (Foto: Divulgação)

Passado o descanso pós-Olimpíada, é hora de as jogadoras de vôlei começarem a se dedicar aos clubes. E, mesmo com o pouco tempo de trabalho, cinco brasileiras já iniciaram bem a temporada 2016/2017. Já teve, inclusive, quem levantasse uma taça de campeão.

Foi o caso da levantadora Fabíola e da ponteira Mari Paraíba. Atletas do Volero Zurich, as duas se sagraram, na semana passada, vencedoras da Yeltsin Cup, um torneio amistoso disputado na Rússia. Diante de duas equipes russas, o Uralochka e o Dinamo Krasnodar, além da seleção sub-23 da Turquia, o time suíço venceu todos os três jogos que fez por 3 a 0. Fabíola ainda foi eleita a melhor levantadora da competição.

Rivalidade? Thaísa e a russa Kosheleva viraram amigas na Turquia (Foto: Instagram)

Rivalidade? Thaísa e a russa Kosheleva viraram amigas na Turquia (Foto: Instagram)

Na Turquia, Thaísa é quem tem se dado melhor. Ao lado de outras estrelas do voleibol em uma verdadeira "seleção do mundo" chamada Eczacibasi, a central venceu dois amistosos: 3 a 1 (21-25, 25-15, 25-19 e 25-15) no Galatasaray e 3 a 1 (25-18, 25-14, 22-25 e 25-17) no Fenerbahce, de Natália – nesse último caso, com direito a ser a maior pontuadora em quadra, com 19 pontos. Contra o Vakifbank, da holandesa Sloetjes e da chinesa Zhu Ting, derrota por 23-25, 25-20, 25-22, 20-25 e 15-10.

Discurso de Zé Roberto contraria necessidade de inovação

Em Bauru, Mari voltará a ser oposta

Apesar do mau resultado contra o rival local, Natália também sentiu o gostinho da vitória com sua nova camisa: 3 a 1 (25-20, 16-25, 25-16 e 25-22) diante de um Vakifbank que não contou com suas atletas estrangeiras. Vale destacar também que, nos dois jogos citados, o Fenerbahce também não pôde contar com sua principal estrela, a sul-coreana Kim Yeon-Koung, poupada.

Já Adenízia saiu derrotada de quadra, mas teve uma excelente atuação individual nos 3 a 1 (23-25, 25-18, 25-23 e 25-23) que seu time, o Savino Del Bene Volley tomou do campeão europeu Pomi Casalmaggiore, marcando 22 pontos. Antes, a equipe havia batido o Mycicero Pesaro com parciais de 25-14, 25-22, 25-17 e 10-15 em outro amistoso, com a central brasileira colocando 11 bolas no chão.

Curta o Saída de Rede no Facebook!

Entre os dias 18 e 23 de outubro, o Volero, o Eczacibasi, o Vakifbank e o Casalmaggiore estarão na disputa do Mundial de clubes, disputa que também contará com a participação do Rexona-Sesc, do Rio de Janeiro. O torneio será realizado nas Filipinas.

Sobre a autora

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos.

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.