Topo
Saída de Rede

Saída de Rede

Carol Gattaz: “Fizemos um primeiro set abaixo e conseguimos nos reerguer"

Carolina Canossa

04/02/2019 06h00

Equipe se sagrou campeã ao derrotar seu grande rival Praia Clube na final da Copa Brasil (Fotos: Rodrigo Ziebell/Divulgação)

Por Janaina Faustino

A conquista da Copa Brasil feminina de vôlei pelo Itambé Minas no sábado (3), em Gramado (RS), mostrou a qualidade técnica de uma equipe que busca reviver momentos áureos. Um dos mais tradicionais clubes brasileiros, o time de Belo Horizonte investiu pesado em peças que pudessem mudar seu status, recolocando-o no grupo dos favoritos na atual temporada.

E, até então, a equipe parece ter acertado no planejamento e nas contratações pontuais, já que Natália, Gabi e Bruna Honório foram decisivas na final do torneio contra o grande rival estadual Dentil Praia Clube, anotando 20, 19 e 17 pontos, respectivamente.

Além disso, o time ainda demonstrou poder de reação para sair de situações adversas. Isto porque o começo da final não foi nada fácil. Assim como no confronto da semifinal contra o Osasco Audax, em que sofreu com uma performance bem abaixo do que vinha apresentando – sobretudo na recepção e no ataque –, no primeiro set da decisão a equipe também não esteve bem.

Pecando novamente no passe, irregular no sideout e cedendo muitos pontos em erros ao rival (25 no total), as comandadas de Stefano Lavarini, contudo, tiveram paciência para lidar com a pressão adversária e souberam vencer de virada, por 3 sets a 1.

Leia mais:

Promessa de equilíbrio marca a 25a edição da Superliga feminina

Primeiro turno da Superliga feminina aponta para superioridade dos times mineiros

Sede brasileira do Pré-Olímpico feminino será divulgada até o começo de março

A central e capitã Carol Gattaz, uma das principais armas ofensivas da equipe, exaltou a força do conjunto. "A gente sabe das dificuldades ao longo desta temporada. Está sendo muito desgastante para nós, jogos seguidos, várias competições, o calendário muito apertado, mas nada disso tira o nosso fôlego. Estamos tirando forças do fundo e todas as atletas estão contribuindo para que as vitórias cheguem", afirmou.

Se conseguir manter a melhor forma física e técnica, Natália poderá ser uma arma fundamental para o Minas no decorrer da temporada

A meio-de-rede, que aparece nas estatísticas da Superliga como a jogadora com melhor aproveitamento no ataque (63%), ainda destacou a capacidade de recuperação do time na final. "Mais uma vez, nos superamos, fizemos um primeiro set muito abaixo e conseguimos nos reerguer, ter uma boa apresentação e conquistar esse título que é muito importante para nós (…)", frisou a atleta.

Com a vitória, além do troféu, o time da capital mineira ainda conseguiu manter a supremacia sobre o rival nesta temporada, já que as representantes de Uberlândia já haviam sido derrotadas na final do Campeonato Estadual e no cotejo no primeiro turno da Superliga.

O técnico Lavarini também falou sobre os altos e baixos da equipe. "No jogo contra o Fluminense, nas quartas de final, variamos muito, com momentos bons e momentos ruins, mas conseguimos nos superar e passar para a próxima fase. O jogo contra o Osasco também não foi muito bom. Muito nervosismo, muitos erros e, mais uma vez, nos superamos. Nós queríamos muito esse troféu e estamos crescendo ao longo dessa temporada", analisou.

"[Na final] contra o Praia, o nosso adversário começou atacando muito melhor que a gente e a nossa defesa não funcionou. Méritos para o Praia, que conseguiu fazer o seu jogo. Depois, conseguimos nos acertar (…). As meninas cresceram, foram muito aguerridas e ganhamos mais confiança. Foi um grande resultado e as jogadoras foram fantásticas, mais uma vez. O nosso time é muito aguerrido e vem se superando a cada partida", avaliou o técnico italiano.

Curta o Saída de Rede no Facebook!

Siga-nos no Twitter: @saidaderede

Sobre a autora

Carolina Canossa - Jornalista com experiência de dez anos na cobertura de esportes olímpicos, com destaque para o vôlei, incluindo torneios internacionais masculinos e femininos.

Sobre o blog

O Saída de Rede é um blog que apresenta reportagens e análises sobre o que acontece no vôlei, além de lembrar momentos históricos da modalidade. Nosso objetivo é debater o vôlei de maneira séria e qualificada, tendo em vista não só chamar a atenção dos fãs da modalidade, mas também de pessoas que não costumam acompanhar as partidas regularmente.